Viva e deixe viver...


Viva e deixe viver é uma frase que gosto muito e está incluída na música do Paul McCartney “Live and let die”(viva e deixe morrer)- Na música ele diz que quando as coisas estão difíceis a gente tem que dizer : viva e deixe morrer. Porque quando éramos jovens nós costumávamos dizer: viva e deixe viver e não adiantava muito (algo assim) - É claro que eu adaptei ao meu ponto de vista e concordo com a segunda opção: Viva e deixe viver.

Viver e deixar viver, ao meu ver, são prioridades para quem deseja viver bem. E viver bem é o que todos nós queremos. É inadmissível que alguém em sã consciência ache que viver bem signifique viver a sua vida e ainda viver a vida de terceiros. A própria frase já diz : viva a sua vida e deixe o restante viver a dela.

Deixa fulano pintar o cabelo de verde, deixa fulana trabalhar no que ela quer, casar com quem quiser, namorar quem quiser, etc. Todos nós fizemos as nossas escolhas (até as erradas) então, vamos combinar que cada um tem o direito de acertar e errar pelas suas próprias idéias. É claro que você não vai deixar fulano se matar, virar bandido e tal (se puder evitar, evite) (se é que é possível), mas as escolhas de vida quem faz é cada um. Cada um sabe onde o “calo aperta”.

Isso se chama tolerância. Tolerar o diferente, tolerar o que você ache fora do seu padrão. Já parou para pensar que o seu jeito, sua roupa, suas idéias também podem ser consideradas diferentes para outros? Ou só você é o certo e o resto é que tem que se adequar aos seus padrões?

Tolerar não é aceitar, engolir, se adequar ao que te incomoda. Tolerar é simplesmente entender(digo entender, não aceitar). Entender que ninguém tem que ser igual a você. Ninguém tem que viver de acordo com as suas regras.

Portanto Viva e deixe viver quem estiver ao seu redor. Concentre-se na sua vida. Nos seus planos. Nas suas metas. Deixe de ser a sombra de alguém. Com certeza, tirando o peso da vida dos outros das suas costas, você conseguirá não somente respirar por esse mundo afora mas, também, passar a existir de fato.
10 Responses
  1. viver a nossa própria vida é deixar os outros viver a deles.


  2. André Seicho Says:

    Muito bom o texto, na verdade em alguns casos dar opiniões construtivas é válido, mas tem gente que vive respirando a vida do outro, enchendo o saco...


  3. Lívia Says:

    Pra maioria é melhor apontar o defeito dos outros do que olhar pro seus...odeio qdo me dizem o q fazer e o q pensar...gostei do texto.


  4. Daniela Maura Says:

    Oi Juliana, gostei muito do texto. Tem pessoas q tornam a vida dos outos num inferno...viver sendo sombra de alguem eh algo destrutivo...


  5. Janaína Says:

    Eu tenho um grande problema com algumas "sombras" na minha vida...caso sério.


  6. Daniel hasen Says:

    Eu amo essa música que tb foi regravada pelo Guns n Roses. Parabens pelo texto, tem muita gente que precisa se tocar e parar de ficar vivendo a vida dos outros enqto a propria vida precisa de reparos.


  7. Joana Maranhão Says:

    Adoro essa músicaaaaaaaa. "Live and let dieeeeee". Mas prefiro o Axl cantando, não?


  8. É ISSO AÍ JULIANA, BELÍSSIMO TEXTO E UM , MUITO MELHOR AINDA , CONSELHO DE COMO VIVER E DEIXAR VIVER!!!

    PARABÉNS!

    ESTAVA PASSANDO POR AQUI E GOSTEI.VOLTAREI SEMPRE

    VENHO CONVIDÁ-LA A CONHECER MEU BLOG DE HUMOR :

    "HUMOR EM TEXTO".

    UM ABRAÇÃO CARIOCA E ESPERO QUE NESTE NATAL VOCÊ E SEUS FAMILIARES FIQUEM COM DEUS!


  9. cris Says:

    Nossa muito bacana este texto,totalmente verdade vou copiar e colocar seus créditos .....

    fique com deus!!!

    cristina


  10. RITA PACHECO Says:

    Eu vejo muito isso em redes sociais. Tem pessoas que parecem seguir cada passo que a gente dá e não se auto-observam . Parece até assombração...eheh
    Curti muito seu blog, estou te seguindo!