GENTE


Desde quando me entendi por gente. Fui perceber o quanto é difícil ser alguém. Ser gente de verdade. Sem máscaras, sem rótulos. Sem roupa de super herói... Gente de verdade não tem super poderes. Gente de verdade tem sentimentos: Seja pobre ou rico.

Gente verdadeira independe de classe social, raça, religião...

Outro dia ouvi uma frase que merece um destaque: “Nós é que levamos este país nas costas”

Toda essa gente. Gente que não apenas respira. Gente que não tem vergonha de ser GENTE, por mais que ser gente seja algo, muita das vezes, impossível.

Gente:

Que sofre

Que ri

Que chora

Que implora por uma “mão na roda” para fazer esse mundo girar...
9 Responses
  1. Rafa Moraes Says:

    Que lindo Ju...


  2. Eu preciso de uma mão na roda agora :~
    aiosuuiaos lindo como sempre.Beijos!


  3. há gente que precisa também de uma mão para ajudar a levantar.


  4. Brigadão pela visita! E ADOREI o post! Penso igual. Parabéns! Lugar bonito aqui. :) Abração.


  5. Daniela Says:

    O texto é ótimo. Adoro verdades...

    Gostei do blog!


  6. A sua forma de expor a realidade me encanta. É feito de uma forma sensata e direta. É constituído por sentimentos e desejos guardados.

    lembrei de uma música ao ler :


    "Afinal amar o próximo eh tão démodé"
    Legião Urbana.


  7. Joana Maranhão Says:

    O mundo anda tão complicado...já dizia Renato Russo...


  8. Daniela Says:

    Muito bom!


  9. Muito lindo seu blog!
    Muita bela a sua alma!


    Beijos