Eu sinto, tu sentes, ele sente...





"Eu me recuso a amputar meus sentimentos.
Eu nasci para sentir com todos os meus membros."
(Marla de Queiroz)

Com essa frase sentimental e (por que não?) realista começo a escrever esse texto para os amantes da vida como eu. Por essa vida a fora e pela nossa convivência diária sempre nos deparamos com gente “travada”, ereta, correta, equilibrada. Pelo amor! A vida já é tão difícil, e para que sufocar nossos sentimentos só para fazer “cara de tenho o controle de tudo”? Quer que eu te conte um segredo? Não temos o controle de nada. Nem de quando vai durar a nossa vida. Pura verdade!

Chorar na frente da televisão, ao ler um texto, ao ver um filme não é sinal de fraqueza. Dizer eu te amo para seu amigo (a) não é sinal que você fez uma opção sexual "alternativa" (e se fez, a vida é sua e quem paga suas contas é você!), ninguém vira algo apenas porque declara seu amor a alguém do mesmo sexo. O mundo anda descontrolado. Talvez seja o único descontrole do qual eu não admiro. Mas admiro os descontrolados pela vida. Daqueles que não tem vergonha de ser feliz, de errar e de chorar.

A vida é esse eterno buscar. Ninguém chega ao final de nada. Até porque os amantes da vida, ao fecharem um ciclo, procuram outro desafio. E nesse caminho, viver intensamente é não “amputar nossos sentimentos”. Não fomos criados para engolir choro. Não fomos criados para disfarçar o amor. Não fomos criados para sermos robôs. Somos feitos de carne, osso, coração e pulmão (para gritar bastante).

A partir do momento em que “enxergamos”, de verdade, a nossa essência e os reais motivos de estarmos nessa vida, conseguiremos entender o real significado da nossa existência na Terra. E a nossa existência não termina por aqui. Aqui é somente o começo.

Sinta com todos os seus membros. Não ampute seus sentimentos. Seja homem, seja mulher, seja HUMANO.

14 Responses
  1. .:*Aline*:. Says:

    Eh isso aí!!! O importante eh viver sem medos, seja errando ou acertando, eh preciso se doar para a vida.
    Adorei o texto!
    bJIM


  2. Aplausos. Nascemos para sermos felizes, e só se é feliz quando se vive todas as emoções.
    Bjux


  3. Demais...a vida é uma intensa aventura, cheia de coisas boas e ruins. Cabe a cada um escolher. Beijos


  4. . Says:

    Adorei aqui *-*
    ja estou seguindo!!
    beeijos


  5. Lindo lindo!
    ótimo pra se ler num dia em que tudo parece perdido e sem sentido!

    Obrigada ;)

    beeijo!


  6. Um pouquinho desta visão em cada um, garantiria um mundo muito melhor!

    []s


  7. Socorro Melo Says:

    Oi, Juliana!

    Também penso assim. Acho que a vida é muito curta para perdermos tempo com arbitrariedades, hipocrisias, e mau humor. Devemos viver intensamente,cada momento, sorrindo ou chorando, conforme as circuntâncias nos permitirem.

    Ótimo recado.

    Abraços
    Socorro Melo


  8. Sarah Minini Says:

    Concordo plenamente. Odeio gente ingessada. Que não fala palavrão e que transa com as pontas do dedo... Nojinho disso ou daquilo. Que programa as coisas... Vamos ser espontaneos...

    um beijo Sarah


  9. ANA ROOS Says:

    Penso exatamente assim, é difícil assumir que se é assim... mas depois que se entende que se é assim, deve ser... o resto passa...Não aceito viver menos que quero viver... e se alguém se incomoda com o que sou? Paciência!]
    beijos no coração... lindo seu blog!


  10. ANA ROOS Says:

    Penso exatamente assim, é difícil assumir que se é assim... mas depois que se entende que se é assim, deve ser... o resto passa...Não aceito viver menos que quero viver... e se alguém se incomoda com o que sou? Paciência!]
    beijos no coração... lindo seu blog!


  11. Oi Juliana, tudo bem?
    Primeira vez por aqui. Seu blog é lindo!

    Quanbto ao post, parece que fui eu quem escrevi ele, de tanto que concordo com vc!

    "Mas admiro os descontrolados pela vida. Daqueles que não tem vergonha de ser feliz, de errar e de chorar"
    Essa frase diz exatamente o tipo de pessoa que quer ter ao meu lado sempre, tanto nas horas boas quanto nas horas ruins.

    Bjs querida!
    Déia


  12. Estava te devendo visita aqui! sem muito tempo ultimamente!
    Muito bom seu blog, muito mesmo =]

    Seguindo de volta, fato!

    beejos


  13. Olá, estive conhecendo o seu blog em encantei, aproveito para deixar o meu também: http://blogcognicao.blogspot.com

    Abraços!


  14. Sabemos, mas é tão difícil mudar, ou, seguir aquilo que queremos, se é...