Cadê o sentimento que tava aqui?



Se tem algo que é bonito de ser ver é casal apaixonado de novela. O amor é lindo, encantador, de conto de fadas. O mocinho faz de tudo para salvar a mocinha e vice-versa. Na trama, qualquer problema que possa surgir, lá está o casal firme e forte unidos contra tudo e contra todos. A união não é nem abalada no beijo de bom dia (na história novelística do casal não existe mau hálito).

Incrivelmente nós, aqui do outro lado da telinha, suspiramos a cada beijo e a cada vitória do casal. Como é bom ficar imaginando que poderia ser um de nós o “galã corajoso” ou a “musa indefesa”.

Nesse parâmetro de “relação Global” vivemos uma incansável busca pela “alma gêmea”, “pela metade da laranja”, pela “tampa da panela”, pela “pedra que incomoda o sapato” ou sei lá mais o que. Procuramos, procuramos e procuramos. Não tem que ser qualquer um, tem que ser “A mulher”, “O cara”. Até porque “nos achamos” muito para nos apaixonar por um (a) qualquer.

E partindo desse princípio as relações estão cada vez mais rasas, descartáveis, instantâneas. Não dá para perder tempo com o nosso parceiro atual, “sempre vai ter um melhor dando sopa” e nessa premissa corremos o risco de procurar a vida toda, pelo príncipe ou princesa encantada, e acabarmos sozinhos.

Na minha humilde opinião não há homem ou mulher perfeitos. São perfeitos sim, no começo do relacionamento onde qualquer gesto errado é considerado lindo: “Ah, não ligo se ele palitar os dentes é até bonitinho”, “Ah não ligo de ela gastar muito, ela só faz isso para ficar linda para mim”, “Ah, não ligo se ele é flamenguista” e por aí vai...

Sabe acho triste quando um relacionamento acaba. Acho sim. E defendo, acima de tudo, o bem estar de cada um, de verdade. Mas também acredito que qualquer relacionamento tem altos e baixos (muitas vezes mais baixos). E eu disse qualquer relacionamento, ou seja, podemos até trocar de parceiro, mas sempre vai ter alguma chatice para aturar de ambos os lados. Sempre. Já ouvi por aí que “é fácil acreditar em Deus quando se tem tudo”, o que me faz lembrar que é muito fácil amar alguém quando esse alguém está por cima, quando faz seu coração balançar, quando as pernas tremem e quando você fica na ânsia de conquistá-lo. O difícil é a reconquista, é a construção diária, a compreensão e a demonstração de afeto contínuo (assim como era no começo).

Conquistar é fácil, difícil é manter a conquista e quando isso não acontece a culpa é sempre do outro. Nunca olhamos para nós mesmos e enxergamos nossos erros. Olhamos com os olhos acostumados para aquela pessoa que já foi, um dia, muito importante para nós. Sendo assim, acordamos um belo dia e decidimos que vamos partir para outra. "Já deu", "já era" e eu quero ser livre. Mas lembre-se que ser livre é um estado de espírito, não uma condição.

Tem gente que é “livre”, mas é aprisionado ao vício, ao seu egoísmo e por aí vai. Você não é um prisioneiro apenas porque possui uma relação estável com alguém, na verdade, ninguém aprisiona ninguém. É aquela velha história de não “prender quem amamos porque se são nossos sempre voltam”. Quem ama de verdade sente-se livre. Porque o amor não é uma prisão. O amor é vida. Assim como o ar que respiramos. Já experimentaram prender o ar nos pulmões? Então... É bem por aí a idéia.

Acredito que qualquer um tem o direito de optar pelo que for melhor para sua vida. Cada um é responsável pelo que planta. Se plantar amor vai colher amor e assim sucessivamente.

Só para relembrar, na trama das novelas, os mocinhos enfrentam todas as barreiras para ficarem juntos. E todos nós admiramos muito isso. O triste é que na realidade apenas valorizamos os dias que passamos nas “nuvens”. Na hora de descer a ladeira pulamos antes de chegar lá embaixo (sem ao menos tentar evitar a queda).

Em tempo: o Amor DE VERDADE, não requer exposição nenhuma. Ele é sentimento. E isso já basta...


27 Responses
  1. Juliana,

    Amar é construir ternuras, é apostar no carinho... Ama-se o outro com admiração pelos seus grandes feitos e também pelos seus desacertos, que é uma parte integrante de sua humanidade. É nesse amor que eu também acredito...Parabéns, o seu texto nos leva a reflexão.


  2. Olá! Nossa que lindo texto!
    Realmente, hoje tudo é muito instantâneo igual miojo...
    Feio né?
    Pois é
    Tudo é tão fácil que ficou descartável e construímos relações de mentira. Muito duro.

    Adorei o blog, vou segui-lo e linka-lo. Espero sua visita qualquer dia

    www.apenasumponto.blogspot.com
    www.apenausmpontoesportivo.blogspot.com


  3. Ju Fuzetto Says:

    Juju, que texto interessante!!!!!!!

    As pessoas devem amar em todas as horas independente da situação de dor, alegria... devem respeitar o outro de verdade com o coração!!!


    Juju, obrigada pelo carinho lá no meu cantinho!!!
    Bom final de semana!!

    beijus


  4. Antônio Almeida Says:

    Olá Juliana,

    Há muito, o cinema e a tv conseguiram mercantilizar o sentimento sublime. As nuanças das conquistas, dos desafios, dos altos e baixos variam de autores e diretores.
    O interessante é o desenrolar da vida amorosa real dos artistas, que embora vivam tórridos romances na telona ou na telinha, não conseguem, na maioria, vivenciar no cotidiano o amor chamado verdadeiro.
    Um abraço.


  5. Um sentimento unico e forte chamado amor,,,se não for cuidado, zelado, velado ele se retrai,,,jamais acaba, o verdadeiro amor jamais acaba,,mas ele se enche de medo e fica recluso,,,beijos e otimo final de semana.


  6. sarah Says:

    verdade Ju, pessoas são diferentes em aspectos, formas de se expressar ..

    novelas sinceramente ao meu ver, é uma forma ilusória de que tudo de ruim pode acontecer mas que no final sempre vai dar certo, (como nos filmes) mas ai que erramos muita das vezes, começamos a achar que nossa vida é uma novela ou um filme que no final tudo vai dar certo,
    e não é bem assim ..

    temos que ter cuidado!
    saudades de vir no seu cantinho,
    beijos.


  7. Belo texto como sempre Ju!
    Já li em algum artigo científico que temos centenas de prováveis almas gêmeas. Isso porque muitas pessoas no mundo são compatíveis com nosso estilo e capazes de corresponder as nossas expectativas. Então para que perder tanto tempo e as vezes sofrer em vão. O amor não é só isso. Deixemos livres!!


  8. Mariana Says:

    Não existe homem e mulher perfeita, mas somos capazes de ser movidos pelo amor, o que nos torna melhores com o próximo.
    E é preciso amor,carinho, respeito para sermos tolerantes com os defeitos dos que amamos, pois nós temos os nossos.
    Amar nos torna melhores..
    perfeição somente em conto de fadas.


  9. Anônimo Says:

    Seus textos sempre exprime a verdade e com clareza explica o que pode ser melhor para cada um. Acredito que ninguém é o dono da verda, nem eu, nem vc, mas tentamos chegar perto dela ne?

    Acredito tb q temos que ter paciência qdo as coisas não vão bem, até pq o amor é paciente.

    Bela reflexão!


  10. Gian Fabra Says:

    poxa, queria q mais mulheres pensassem assim... ou melhor, agissem assim...

    concordo com cada palavra.

    long life love.
    bjs


  11. Carmo L. Says:

    É...as relações nos dias que correm, parecem ser mais comerciais, passageiras, descartaveis, que facilmente passam de moda porque cansam como se fosse uma peça de roupa ou um par de sapatos. Infelizmente o sentimento nobre, ou que deveria ser nobre passou à historia e deram-lhe um novo sentido, o novo nome QUIMICA, que é cheio de falta de valores, principios, respeito e dignidade.
    Tudo o que expressa e sei que é sentido e profundo, não poderia mais perfeito e proximo da verdade...mas eu continuo com uma réstia de esperança que esses valores ainda voltarão a entrar nos corações da humanidade!
    Um bem haja...namasté


  12. A vida não é novela... Que bom :)


  13. O pior de tudo ñ é serprisioneiro. O pior de tudo é ser livre e não poder ir à lugar algum , ou, dentro de si, não ter sentido próprio!

    Desculpe-me pela demora, ando trabalhando e estudando muito, mas não vou abandonar-te.

    Incontáveis abraços.


  14. Lou Witt Says:

    Perfeito!

    A poesia é linda e nela podemos pintar um amor de conto de fadas.
    A poesia nos faz falta e dá outro sentido à nossas vidas.
    Mas...
    é poesia!!!
    A realidade grita quando a convivência é continua.

    Beijo e carinho!!!


  15. se se amar com a alma, a eternidade será o objectivo máximo de dois amantes.


  16. Vc sempre nos trazendo reflexões interessantes...

    A comunicação global trabalha com a 'hiper-realidade' ou seja uma realidade que jamais poderá ser atingida mas que alimenta o ego das pessoas e angustia pelo fato de se querer algo que nunca poderá ser alcançado... e enquanto isso as pessoas vão se desfazendo de 'amores' como fazem com os capítulos das novelas, acostumadas a serem expectadoras apenas, vão deixando a vida passar a espera do 'encantado'...

    egoistmo e medo não combinam com amor... mas a maioria não percebeu isso ainda...

    belo texto guria. parabéns. bjos


  17. Ivan Mendes Says:

    Assino em baixo em tudo que disse. Pena que a maioria dos jovens não pensam assim!

    Beijos guria!


  18. o Amor DE VERDADE, não requer exposição nenhuma. Ele é sentimento. E isso já basta...

    Perfect!

    Entra no meu e se gostar segue...

    Bjs baby


  19. Patricia Says:

    Concordo em tudo que diz. conte sempre comigo por aqui!

    bjs


  20. Patricia Says:

    Concordo com cada palavra q disse aqui, conte sempre com as minhas visitas no seu blog. Adorei!


  21. Paty Says:

    Nossa ameiii..
    Muito lindoO o texto...
    Uma plena sinceridade...

    fez eu refletir um pouco, pois sou ksada..
    e as vzs m vjo nessa dificuldade...


  22. jefhcardoso Says:

    Juliana, eu li a postagem dos 58kg e não achei lugar para comentar lá. Por isso vim aqui.

    Liga não. Você está ótima e se alguém diz algo que possa não somar para um bom astral, torneo combustível para superar qualquer coisa.

    Abraço: Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com onde o Bronson está lutando com unhas e dentes contra o sobrepeso.


  23. Pérola Says:

    ai, Ju, q texto lindo! adorei! tudo que você disse é muito verdadeiro!
    mas a melhor parte é “Ah, não ligo se ele é flamenguista” kkkkk
    beijão


  24. Jortas Says:

    Gostei de seu texto.
    Um fim de semana cheio de lindezas!


  25. Jortas Says:

    Gostei de seu texto.
    Um fim de semana cheio de lindezas!


  26. seus textos são muito equilibrados e bem escritos


  27. Rodirgo Says:

    CARA JULIANA

    Impossível descrever o que é o amor. Digo que mesmo que viva cem anos jamais serei capaz de vivenciar a magnitude de tão precioso sentimento,uma vez que como as escrituras dizem"o amor não é desse mundo". Creio, contudo, que posso ser capaz de sentir a sua fagulha crepitar em meu coração e vivenciar o reflexo de seus efeitos aqui neste plano em que vivo.
    Espero realmente encontrar um dia uma mulher com a qual eu possa compartilhar sonhos e desejos. Mas tenho medo. Será que consiguirei ser capaz de me devotar única e exclusivamente a ela, mesmo que um mar de mulheres, ainda mais bonitas e capazes de fazer coisas que nem mesmo eu tenho conhecimento me desejem? Será que consiguirei me afastar das tentações da carne e da alma? Será que já terei vivido o suficiente para lhe devotar a minha vida? Se dela, ser para ela..Talvez se as pessoas fizessem essas indagações a si mesmas antes de entrar em um relacionamento sério a vida aqui fora poderia ser mais parecida com a vida em uma novela, cheia de finais felizes.
    Sim, somos imperfeitos, mas são essas nossas imperfeições que nos fazem belos e apaixonantes. Sempre peço à Ele perdão e agradeço pelos meus erros, pois através deles aprendo o que é certo.
    O segredo de um relacionamento longo e duradouro? Amizade e confiança...esta é a pedra angular, a coluna base. Se não existir não adianta tentar construir nada, pois na primeira tempestade o que foi edificado vai desabar e talvez não seja possível sair dos escombros sem cicatriz.