Se fazer loucuras ajudasse...





Nada vai trazer alguém de volta para você. Nada. Você pode ser a mais linda, a mais inteligente, a mais amável, cozinhar muito bem, ser super antenada , ganhar super bem, e blá blá blá. Você pode fazer escândalo, gritar, fazer promessa, espernear, mandar ele para bem longe (quando na verdade você deseja que ele venha correndo). Desista. Se ele se encantou por outra, o que fazer? Nada. (Ok. Ela é cafona, feiosa, a página no site de relacionamentos que ela tem é uma piada, ela tem um gosto musical horrível e só você enxerga todos esses "defeitos"...) Porém, nada pode ser feito.

Essas reviravoltas amorosas só dão certo em novela. Quando a mocinha insiste, insiste muito, engravida, faz o escambal e no fim, o amado bate na porta dela com um ramo de flores dizendo: “É você quem eu quero”. Balela!
  
Não se baseie nas relações amorosas “Globais”. Já disse isso aqui. A cafona pode ser cafona. Mas é ela quem está acompanhada no momento. E você? Vai querer abrir os olhos do seu “amado” o quanto você vale a pena? Parece pessimismo, mas essas insistências pouco surtem efeito.

A vida é assim. Escolhas. Amores impossíveis. Choros noturnos. E vai ser sempre, a não ser que você queira jogar a toalha e desistir. Para viver, temos que levar o pacote inteiro: Chuvas, trovoadas, céu aberto, e muito sol.

Na sua vida amorosa também. Não há perfeição. Não existe príncipe encantado. Muito menos sapatinho de cristal perdido por aí. Se você foi trocada, foi enganada, foi ludibriada, parta para outra. Não disse “outro”. Tem que partir para dentro de você. A partir do momento em que começamos a nos enxergar passamos a ser enxergadas.

Estar sozinha não é o fim do mundo.

Já pensou quantas coisas podemos fazer por nós? Colocar alguém no pedestal e dizer que a sua felicidade está ali é um risco. Um risco para os dois. Para você que vai jogar sua "grande felicidade" no outro e para ele que tem o peso de carregar a procura da felicidade dele e da sua.

Teorias, teorias, teorias... Tudo teoria sim. Mas não podemos mais vestir a camisa das loucas que amam demais. Temos que deixar esse papel de mulheres doidas para casar e arranjar homem.

O que mais vemos por aí são revistas femininas (femininas?) com manchetes de: “Como segurar seu casamento”, “Como enlouquecer os homens”, “Como segurar o marido”... E por aí vai. Dicas infalíveis para segurar, prender, amarrar com laço de vaqueira o nosso macho.

Na boa? E os homens? Não precisam nos prender? Não precisam nos agradar, segurar,conquistar? Nós também não merecemos manuais de como nos enlouquecer?

Por que sempre essa visão de mulheres loucas para arrumar marido, enquanto os homens ficam poderosos no seus pedestais?

Seja mulher louca para que te ame sim. Mas não faça o impossível para segurar aos trancos e barrancos aquele homem que nem se quer liga... Nem demonstra... Nem aposta no seu amor.

Viva sua vida. Trabalhe. Estude. Produza. Seja você. Deixe-o com a cafona. O amor é assim: Cego. Cafona hoje, top model amanhã.

E tenho dito...




20 Responses
  1. Ahhhh,um ótimo exemplo esse Post de fato!
    Quantas mulheres vemos por aí,perdidamente se rebaixando por aquele homem,e ele claro se vangloriando por isso,é triste,temos que nos dar o valor,pois esse valor é grande,muito grande.
    Ótima noite pra ti Querida
    Beijos


  2. Sam. Says:

    Ah Ju, mais uma vez vc acertou em cheio no texto...realidade pura.. valores invertidos, mulheres fazendo papel dos homens na conquista, desesperadas, e querendo um sobrenome a mais a qualquer preço... resultado: homens cada vez mais galinhas ou virando gays! aff..

    realmente, loucuras não resolvem... não resolvem e só pioram!

    Um beijo, Ju...bom domingo!!


  3. Nossa...teu texto me fez ficar aqui pensando.Muito bom,Ju!
    Adoro vir aqui :)

    Beijinhos!!!


  4. Cleice Souza Says:

    E no fim de tudo, ela o merecia.

    pense bem.


    beijos Ju!
    Obrigada por estar sempre presente no entrelinhas.


  5. Ei Ju!

    Vi seu depoimento sobre o cisne e fiquei feliz em saber que está fazendo um intercâmbio. Ou está indo? Não ficou claro para mim. Mas o qeu importa é que eu também me descobri num intercâmbio.

    Onde está ou para onde está indo?

    Beijos


  6. Nada como um dia após o outro dia!

    obrigada pela visita, estou te seguindo (:

    *:

    http://sweetboldness.blogspot.com/


  7. Voando alto Says:

    O amor é tudo isso, e agente não pode deixar de viver esperando. Acontece ...


  8. Adorei seu blog estou visitando!
    Sei que na vida só se pode esperar pelo o próximo ato assim com no teatro.
    Esperamos demais, queremos sempre mais e esquecemos de viver a beleza da vida hoje agora.
    Beijos.


  9. ANA ROOS Says:

    Que texto gostoso de se ler, quase uma conversa informal, com risos, com lágrimas... Gostei!
    Já votei pra vc, o prefácio do livro, desejo boa sorte, é isso ai, nessa de entrar e mandar seu recado você me conheceu e eu conheci vc (seu blog e o meu) Já achei umas coisas bem boas de se ler aqui, essa aqui me deu a maior força, rsss
    Beijos menina lindinha, continue assim, lute pelo que deseja, sem medo de ser mal entendida, como dizem o máximo que vc pode levar é um não... O meu você não levou!
    É isso ai...


  10. Anônimo Says:

    ...


  11. Says:

    Mana querida, onde foi que te chamei de patricinha?? eu disse que estamos vivendo um ditadura dentro da democracia, uma ditadura, mais velada, quando o irmão acima se referiu a outra pessoa que falou algo que não tinha nada haver com o post, por isso ele disse que tinha gente nova, mas que não entendeu o que a pessoa quis dizer não foi nada contigo, se vc se sentiu ofendida mana, perdoe-me nunca foi minha intenção ok, Sempre trato todos muito bem em meu blog, não é do meu feitio destratar ninguém. Paz seja contigo.


  12. Socorro Melo Says:

    Olá, Juliana!

    Eu assino onde?
    Perfeito.


    Beijos :o)
    Socorro Melo


  13. Rô... Says:

    oi Juliana...

    fui chegando e entrando sem pedir licença,

    gostei tanto que me acomodei...
    muito gostoso esse cantinho...

    se quiser conhecer meu pedacinho é só entrar que a porta está sempre aberta...

    beijinhos


  14. I would hope for a love that is both deep and not insane.:)

    Dr. Russ Murray (BC, Canada)

    Always looking for reciprocal Google/Blogger followings for my blogs, thank you.


  15. Oiii..tudo bem?
    É tão bom quando venho aqui, sempre encontro textos que me fazem refletir, pensar e até suspirar..rs
    excelente post...amei!

    tenha um bom fim de semana, abraços carinhos.
    Bjos no coração.


  16. Bem... Apesar de ser da parte que causa os problemas e faz as escolhas erradas... Devo concordar com o sentimento, mas existem também os homens que esperam as mulheres e mesmo sendo romáticos e determinados a dar o melhor de sí, acabam por fazer a escolha errada. Bons pensamentos lindamente escritos. Parabéns! Estarei seguindo!


  17. sindrominha Says:

    Oi
    Adorei o seu texto, convido a que conheça o meu blog de textos, obrigado!!


  18. FABIANA Says:

    Querida adorei o q vc escreveu, está corretíssima.
    Bjkassssssssss


  19. Sarah Minini Says:

    Adorei seus textos to lendo tudo, mas não to dando conta de te seguir, sou péssima de internet e não achei o lugar...

    Beijos Sarah


  20. Acreditar que podemos começando pela independencia. para ser feliz nao precisa de dois, precisa mais de voce, isso é mais do que qualquer outro par imperfeito (rs) pode te dar.

    otima postagem.
    se der, visita-me.