Vazio







Por mais que o seu dia seja rodeado de amigos muito empenhados em te fazer sorrir, o seu sorriso não é como o de quando você está perto dele. Não é. Não será. Talvez nunca seja.

Esse eterno querer desgraçado que te acompanha. Querer. Querer. QUERER EM MAIÚSCULO. Que não acaba nunca. Nem nas noites mal dormidas, nem nos dias mal acordados. Nem nos dias mal vividos.

É um sufoco do tamanho de um universo inteiro sentir esse vazio de mil vazios. Vazio que não para. Que não preenche. Que não te deixa nem por um minuto.

O maior suicídio que você pode cometer na sua vida é colocar suas expectativas amorosas em um único ser humano, sabe? Humanos falham. Enjoam. Sentem que não há mais graça em nada que te rodeia. E eles se fecham. Calam-se. E você percebe que entregou seu coração de bandeja para ser esmagadinho com a mão esquerda. Ou direita, sei lá.

O amor é esse eterno vazio. Vazio de desencontros. Vazio de pares errados. Vazio de silêncios premeditados. Vazio de recuos estratégicos.

Nós sempre queremos o “para sempre”. Mas o “para sempre” é pesado demais. O “para sempre” é perigoso demais. O “para sempre” é irresistível...

Pois eu te falo que eu te amaria com a dor de mil anos. Milhões de anos. De milhões de “para sempre”. Exageradamente “para sempre”. Compulsivamente “para sempre”.

Nunca se é forte o suficiente para resistir. Mesmo que o “para sempre” não exista. Mesmo que essa história toda de “felizes para sempre” seja apenas demonstrações manjadas de comédias românticas. Nunca se é forte para resistir. Nunca.

4 Responses
  1. Ai o querer... eita danado... rs

    Muito bom te ler, estava com saudades... bom vir aqui.

    Bjs


  2. Para sempre e tudo “às vezes”, as malditas vezes alternadas de tudo: às vezes desço, às vezes compro pão, às vezes sorrio, às vezes me falta o sono, às vezes à noite, às vezes ao dia e às vezes à tarde. Para sempre nunca para sempre. É por isso que preciso continuar, e às vezes continuo e continuo meus “às vezes”.


  3. 'Love is the eternal void. Empty of mismatches. Empty pairs wrong. Empty silences premeditated. Empty strategic retreats.'

    Interesting philosophical blog.

    Russ;)


  4. Pérola Says:

    Isso não é um texto, é um soco em quem quer demais e está sentindo um vazio enorme!
    beijo Ju