"Tristeza no dos outros é refresco..."



Sinto-me como alguém que ficou em coma durante 20 anos e não sabe onde está e em que mundo está vivendo.

Então eu grito: “Parem o mundo eu quero descer...”

Não sei mais o que acontece. Não sei mais se é melhor chover ou se é melhor derreter ao calor escaldante no verão.

As notícias me atemorizam, tantos as corriqueiras referentes a um assaltante de galinhas até as catástrofes como a recente no Haiti. Mas o que mais me deixa “aliviada” por ora, é o fato de que nada mais absurdo poderia acontecer. Nada mais pode chocar-me aos ouvidos ou aos olhos ou aos dois juntos. Em tempos em que jornalista ri do povo descaradamente na televisão, em tempos em que o dinheiro público é guardado na meia, em tempos que a palavra panetone nunca foi tão comercializada e ridicularizada em pleno Natal. Nada mais me chocaria. Nada.

Com esse sentimento de que nada mais poderia acontecer neste mês, ao menos, deparo-me com um vídeo onde a teoria de “toda desgraça para pobre é pouca” se ratifica.

Assistam ao vídeo clicando no link abaixo para entender melhor a minha indignação.


Para quem ficou com preguiça de assistir ao vídeo ou não teve tempo, eu explico:

Em entrevista ao Jornal do SBT, o Cônsul Haitiano George Samuel Antoine, não percebendo que a câmera estava ligada, num papo “descontraído” vomita a seguinte declaração sobre os acontecimentos no país onde ele é o represente de seus compatriotas [!]:

“Desgraça de lá está sendo uma boa pra gente aqui ficar conhecido. Acho que de tanto mexer com macumba, não sei o que é aquilo. O Africano em si, tem maldição, todo lugar que tem africano tá f*...”

Analisando ao vídeo tenho algumas indagações:

1-É pegadinha, a pessoa que me mandou esse vídeo sabe que situações como esta deixam-me IRADA

2-Esse senhor não é um Cônsul Haitiano e sim, alguém que após ter ingerido substância ilícita por demais, invadiu aos estúdios de TV e fez tais declarações infames.

3-Ele é Cônsul sim, falou aquilo sim e nós todos aqui é que somos o tal “povo amaldiçoado” (já que africano é um povo amaldiçoado, o que somos nós brasileiros descendentes de tal raça?)

Na minha humilde opinião e até onde eu saiba, para se conseguir um cargo de Cônsul é necessário amplo conhecimento do seu país e acima de tudo ter amplo conhecimento intelectual. Não sei se o Sr. George Samuel Antoine passou direto na matéria de História ou se leu algum livro de Antropologia, o que me parece a primeiros olhos é: Ele não é ignorante. É pior, ele é pré-conceituoso.

Dizer que o povo africano tem maldição é igual dizer que “favelado” é culpado da violência no Rio, ou que índio é preguiçoso porque fugiu da escravidão, ou que daqui a pouco vai tremer tudo aqui no Brasil já que está cheio de descendente africano por aqui, o bastante para colocar muito prédio de luxo abaixo (mas não vem ao caso).


O Haiti é um dos países mais pobres do mundo, condenado a viver muito tempo sob a “desgraça” da ambição do homem europeu nos séculos XVII e XVIII, vive hoje com 80% da sua população abaixo da linha de pobreza. Sendo o primeiro país da América a conquistar sua independência, não sabia que o pior ainda estaria por vir:Massacrado pelas guerras civis, misérias, doenças, furacões e agora mais recente, terremoto. Se antes a água potável era luxo, tenho calafrios de pensar em como a situação está agora após esta tragédia. Nada foi acrescentado ao Haiti e tudo foi tirado. Uma região que já deu muitos lucros para os seus colonizadores, hoje possui uma economia destroçada e em ruínas. Como em tantos outros que sofreram nas mãos dos imperialistas europeus destinados a tirar tudo das suas colônias sem a mínima pena e com a máxima crueldade.(A foto ao lado é o Haiti antes do terremoto, imaginem agora?)

Quanto ao povo africano. COITADO. Amaldiçoados foram os que tiraram à força mais de quatro milhões de negros de suas cidades para obrigá-los a trabalhar forçadamente em um regime desumano de escravidão e descaso pela sua causa. Considerado sem alma pela sua cor, os negros, eram vendidos como mercadoria barata ou cara nas praças de negociantes de “alma limpa” e “abençoados por Deus” por serem brancos.

Analisando a afirmação “onde tem africano tem desgraça”, o que posso falar é: O continente mais pobre e mais arrasado do mundo é o Africano, estraçalhado pelas políticas imperialistas e desmembrado na época da escravidão, é hoje, o “pobre coitado mundial” que depende de recursos dos poderosos “piedosos” que se “sensibilizam” com a sua causa. Dos trinta países mais pobres do mundo, 21 são africanos. Eis aqui alguns que vivem na mais cotidiana desgraça: Somália, Serra Leoa, Etiópia, Ruanda, Costa do Marfim, entre outros. Cada um com a sua própria história de exploração e degradação social.

O que fica nessa minha enorme reflexão (nunca escrevi tanto) é: O mundo do jeito que está, cada vez mais nos mostra que o homem não honrou o seu compromisso de “amar ao próximo como a si mesmo”.

Cada vez mais somos sugados pela nossa ignorância, ambição, indiferença, crueldade, preconceito, acomodação e tantas outras “qualidades”.

Desde que o mundo é mundo os mais fortes e poderosos arruínam e dominam os mais fracos. Claro que na história mundial há muitos que deram a vida por uma sociedade mais justa e mais humana, com mobilidade social e menos opressiva. E muita das vezes, quando fico nas minhas leituras sobre essa gente, fico imaginando que, se fosse possível encontrar um deles eu perguntaria: “Vocês fariam tudo de novo?” ou “Valeu à pena?”.



P.s. Em sua defesa, o Sr. George Samuel Antoine, diz que foi mal interpretado e que por não saber falar bem o português trocou as palavras. Diga-se de passagem, que o Cônsul mora no Brasil desde 1975. Além de um bom livro de História e Antropologia, ele deveria comprar o novo dicionário da Língua Portuguesa (mas acho que o português dele iria piorar com essas novas regras de tira “hífen”, tira “trema”... enfim)

Socorro São Judas Tadeu!!!!!!!

Aqui vos escreve Juliana Dias ainda com esperança. Afinal, tentar parar o mundo e descer só o Silvio Brito tentou, e isso foi lá nos anos 70...
20 Responses
  1. daniele Says:

    Um dos seus melhores textos até agora. Brilhante!


  2. Jane Prado Says:

    Se há alguém que passei a admirar muito mais é a pessoa que escreve esse blog.

    Compraria um livro, se caso vc escreve um....


  3. Rafaela Says:

    Linda, inteligente, descolada, sabe se expressar e o principal: Humana, sem ser piegas.

    Valeu!


  4. Achei ótimo seu texto, seu desabafo. Lamentável nao? Mas eu nem sabia disso, coisas que nos deixam indgnados. MAs com tanta desgraça acontecendo, só tenho que dar graças a Deus por minha vida e que as coisas possam melhorar pra todos nós.


  5. Luh* Says:

    Muito bom seu post, foi algo tão ruim que chocou a todos!
    beijos


  6. SALVE !
    Sou professora, pesquisadora e contadora de histórias.Vivo de blog em blog angariando leitores e tentando divulgar o meu pelo simples fato de perpetuar a história de meu país - tenho medo que ela seja engolida por toda essa globalização.
    Se gostar de meu esdpaço e achar minha proposta coerente, por favor SIGA-ME nesta luta por um mundo melhor.
    FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... está convidando para conhecer uma lenda bastante contemporânea - a do pássaro-cabeça-de-vento.
    É só clicar no link http://www.silnunesprof.blogspot.com que você chega até lá rapidamente.
    Gostaria que tivesse um pouquinho mais de paciência comigo, estou com alguns probleminhas para resolver: preciso de um novo exame de vista e de um monitor novo, o meu está meio embaçado, já tentei regular, mas o problema está com ele mesmo, tenho de comprar outro. E agora não me encontro em condições disso - só eu sei o sacrifício que faço para postar as histórias.
    Se já passei por aqui, mil perdões. Como disse, a falta dos meus óculos e esse monitor com problemas não me deixam enxergar direito.
    Que os bons ventos soprem a seu favor neste ano de 2010.
    A PAZ .
    Saudações Florestais !


  7. Brilhante texto, Juliana.

    É foda (desculpe o termo) ,a gente ter que ver situação como esta, pior ainda ter um infeliz a dar declarações do tipo =/

    Incontáveis abraços.


  8. Belíssimo texto.
    Autoriza-me a parafrasear Rousseau:
    " O homem nasce RUIM, a sociedade que termina de ESBAGAÇAR"
    Fala sério... !!! acredito piamente que a maldade é intrínseca. As vivências que encarregam de torná-lo bom ou piorar a maldade. Discordo do "BOM SELVAGEM".
    Os comentários do embaixador, se são forem verídicos, mostram a mais pura maldade travestida na indiferença.
    Blog de Um Brasileiro


  9. Ivan Mendes Says:

    Virei FÃ!

    ótimo texto!


  10. Vir aqui me valeu o dia... encontrar inteligencia, coerencia, bom senso, sensibilidade tudo num lugar anda dificil ultimamente... e estou aqui indignada pelas declarações do consul e extasiada por haver quem fale, quem se indigne e não se cale...

    Parabéns. pela indignação, pelo senso de justiça presente em ti, pelas palavras...

    Voltarei por aqui. Qto ao Haiti, não consegui escrever... são tantas coisas, uma enxurrada de coisas sem sentido e sem sentimento algum, que achei por melhor o silencio, mas ler tuas palavras tiraram algo que estava entalado aqui na garganta...

    bom, fico por aqui senão será uma nova postagem... rs

    bjs guria e até.


  11. daniele Says:

    Muito bom o texto! Inspiração não te faltou! Parabéns!


  12. Valeu Juliana pelo comentário lá no blog... qto ao texto não é de um autor é de uma autora: euzinha aqui rsrs... qdo posto texto de alguém sempre coloco os créditos e referencias...

    obs: só pra esclarecer! =)

    vamos prosseguindo. até.


  13. Marcelo Says:

    tristeza dos outrso. Vai ser sempre dos outros. A vida da TV não acha assim. mas é assim que é
    ...
    bjos


  14. Belo texto, Juliana. Como a gente vê gente hipócrita...Eu assisti isso; depois vá acreditar nessa gente que está no topo da pirâmide!

    meu carinho
    tais luso


  15. Joana Says:

    O mundo só terá jeito depois de olharmos para dentro de nós e do outro.

    Belo texto!


  16. Mylla Madeira Says:

    Acho que precisamos de um milagre. Fato!


  17. Carmo L. Says:

    OBRIGADA PELA VISITA! NUNCA PENSEI QUE O MEU BLOG FOSSE VISTO DO OUTRO LADO DO GLOBO E FICO FELIZ POR ISSO. PASSAREI A SER TB UMA LEITORA ASSIDUA DO SEU!
    ABRAÇO ENORME DE CARINHO


  18. ANDRE Says:

    Tb concordo q esse seja um dos seus melhores textos. Para o mundo e tentar descer realmente só o Silvio Brito teve a idéia..rsrs

    Vamos continuar rezando pra q tudo melhore.


  19. RODRIGO Says:

    Muito boa a crítica! Digna de qq coluna de revista ou jornal!


  20. Anônimo Says:

    Ta aí uma coisa que me deixa IRADA também, menina onde este mundo vai parar, somos obrigados a ver e ouvir absurdos como estes todos os dias, e ainda temos que nos acostumar com isso, um ABSURDOOOOOOO!!!!!
    E tenho visto no Haiti um contraste enorme de patriotismo, enquanto pessoas lutam para reconstruir seu país amado, mesmo que tendo que tirar forças não sei de onde, estas outras "pessoinhas" idiotas pensam e fazem coisas idiotas descaradamente, sem nenhum pingo de amor pelo país e muito menos pelo próximo!

    Parabéns pelo texto Juliana, to adorando teu Blog.
    Beijos